Rio Ivaí. Importância da Taxonomia para a Preservação das Espécies

https://www.facebook.com/proivaipiquiri

Rio Ivaí, urgente!

Na quarta feira, dia 28/06, o Colégio Estadual D. Pedro I, em Lidianópolis-PR, foi palco do que já foi foi referido como “socialização do conhecimento”, “educação para a ciência”, “diálogo entre conhecimentos”, “tradução”, entre outros.

A mestranda da Unicentro, Guarapuava-PR, co-orientanda pelo prof. dr. Claudio Zawadzki, e pesquisadora da Coleção Ictiológica do NUPÉLIA-UEM, Angélica Dias, proferiu a palestra “Importância da Taxonomia para a Preservação das Espécies”, tratando de novas espécies de peixes (cascudos) recentemente descritas cientificamente pela equipe do Laboratório de Ictiologia do NUPÉLIA, responsável pela coleção.

Abrindo as atividades, a palestra “Políticas Públicas e as Representações Sociais” que trata da mobilização contra barragens, proferida pelo doutorando em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais – PEA/UEM, Robertson de Azevedo, contextualizou a exposição principal.

Alunos do 1º ano do ensino médio; alunos do EJA – Ensino para Jovens e Adultos, professores da rede estadual de ensino e pescadores artesanais da comunidade de Porto Ubá, situada às margens do rio Ivaí em Lidianópolis-PR interagiram intensamente com a palestrante, já que as descobertas científicas objeto da apresentação se deram exatamente em afluentes e calha principal do rio Ivaí, sendo trocadas diversas informações entre a pesquisadora e os presentes, especialmente com os pescadores e outros conhecedores do rio Ivaí.

A iniciativa visou exatamente a transmissão do conhecimento científico produzido pelo sistema universitário estadual (UEM, Unicentro) com a comunidade dos locais objeto de estudo, visando informar a população sobre a importância da manutenção da integridade da bacia do rio Ivaí, ameaçada pela construção de barragens.

O sucesso do evento pode ser medido não só pelo intenso interesse do público de cerca de 50 pessoas e interação entre os participantes, mas também pelo convite feito à bióloga Angélica para reproduzir a palestra sobre Taxonomia em evento a ser organizado por Marildo de Oliveira, da Patrulha Ambiental do Rio Ivaí -PARI, de Porto Ubá, em Borrazópolis-PR sobre Educação Ambiental.

A transmissão e compartilhamento do conhecimento, especialmente nas bacias ameaçadas pela construção de empreendimentos hidrelétricos, é estratégia do movimento Pró Ivaí/Piquiri, dando efetividade ao princípio do artigo 2º, inciso X da Lei 6938/81, que instituiu a Política Nacional de Meio Ambiente: “educação ambiental a todos os níveis de ensino, inclusive a educação da comunidade, objetivando capacitá-la para participação ativa na defesa do meio ambiente.”

Viva os rios!

Foto de Pró Ivaí/Piquiri.
Foto de Pró Ivaí/Piquiri.
Foto de Pró Ivaí/Piquiri.
Foto de Pró Ivaí/Piquiri.
Curtir ·  ·  · 282
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s