Igreja Católica recebe aviso de bombardeio israelense

Por Assessoria de Imprensa
29 / Jul / 2014 15:26

O Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (CONIC) recebeu, na manhã desta terça-feira, 29, um apelo do Conselho Mundial de Igrejas (CMI) com a informação de que a igreja católica da Sagrada Família em Gaza foi orientada pelo Exército Israelense – que planeja bombardear a região de Zeitun esta noite – a evacuar o edifício que ocupa.

O problema é que tal igreja mantém, abrigadas ali, crianças deficientes e idosos, fato que praticamente inviabiliza a evacuação.

Enquanto Conselho de Igrejas, o CONIC reforça o apelo do CMI no sentido de que o Exército israelense pare de atacar áreas civis e negocie um cessar-fogo imediato. Vale ressaltar que a Secretaria-Geral do CONIC já encaminhou o apelo do CMI (abaixo) ao Itamaraty e à Embaixada israelense em Brasília.

Apelo humanitário

A situação da ofensiva israelense na Faixa de Gaza continua se agravando, enquanto a comunidade internacional assiste de forma passiva o número de mortos superar a marca de 1.100, já se aproximando do recorde de mortes em uma ofensiva militar israelense em Gaza.

Nesta manhã, através dos contatos locais do Programa de Acompanhamento Ecumênico na Palestina e Israel do Conselho Mundial de Igrejas com seu Escritório em Jerusalém, recebemos o apelo da comunidade Católico Romana de Gaza, da igreja da Sagrada Família.

Na mensagem, o padre local informa que a igreja católica da Sagrada Família, recebeu ordem de evacuação por parte do Exército Israelense, que planeja bombardear a região durante a noite. “A igreja de Gaza recebeu uma ordem de evacuação… eles vão bombardear a área de Zeitun e as pessoas já estão fugindo. O problema é que o padre George e as três irmãs [da congregação de] Madre Teresa têm 29 crianças portadoras de deficiências e nove senhores [idosos] que não podem andar. Como eles farão para sair? Se alguém pode interceder com alguém no poder, e orar, por favor, faça! Nós estamos tentando… que a nossa impotência seja tomada pela Tua Onipotência”, diz o padre.

A paróquia possui um projeto chamado a “Casa de Cristo em Gaza”, uma casa de cuidados dedicada a cuidar de crianças portadoras de deficiência. Contudo, estas crianças já foram removidas da Casa e transferidas para a igreja da Sagrada Família, uma vez que o Exército Israelense já bombardeou a região onde se encontrava o projeto.

Por isso, a paróquia apela por orações e o clamor levantado pelo CMI é para que as igrejas e governos espalhados pelo mundo possam se mobilizar através da pressão diplomática para impedir mais este ataque.

A ideia é que o Exército Israelense não realize a ofensiva e, além disso, pare da atacar áreas civis e negocie um cessar-fogo com as autoridades palestinas.

Obs.: envie esta mensagem para os seus Deputados, Senadores e para o Ministério das Relações Exteriores, assim como para suas autoridades eclesiásticas, bispos, padres e pastores. O Brasil precisa se posicionar mais firmemente e exercer pressão para que o massacre da população palestina tenha um fim, e as negociações caminhem para um processo de paz justa e duradoura na região.

Fonte: CONIC

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s