Uma mistura de simpatias e antipatias

Dom Anuar Battisti
TERÇA, 29 JULHO 2014 14:09

Dom Anuar Battisti
Arcebispo de Maringá (PR)

Na convivência cotidiana estamos em permanente relacionamento com pessoas e sempre pessoas diferentes, não só no aspecto físico, mas de temperamento, caráter, educação.

Nem sempre são pessoas que fazem a diferença, pelo contrário, atrapalham ou até retardam o desempenho pessoal. Buscar pessoas que elevam o ânimo, que transmitam simpatia, auto- estima, gosto de viver, livres de tudo e de todos, pessoas de bem com a vida, isso faz a diferença na vida de qualquer um.

Ao mesmo tempo, que não é possível esses encontros positivos, não só evitá-los, mas principalmente não deixar que o mal humor do outro prejudique o nosso bom humor.

Ser uma pessoa madura significa também estar tão seguro de si mesmo e de seus sentimentos que nada abale ou tire o equilíbrio emocional. Como é fácil perder a paciência ou ficar remoendo raivas e rancores mal resolvidos.

Não podemos ser ingênuos pensando que não existem simpatias e antipatias ao ponto de criar verdadeiras guerrinhas, não só na rua, como também dentro de casa.

Vale aqui recordar uma palavra iluminadora: “Peçamos ao Senhor que nos faça compreender a lei do amor. Que bom termos essa lei! Como nos faz bem, apesar de tudo amar-nos uns aos outros! Sim apesar de tudo! A cada um de nós é dirigida a exortação de Paulo: ‘Não te deixes vencer pelo mal, mas vence o mal pelo bem’(Rm 12,21). E ainda: ‘Não nos cansemos de fazer o bem’( Gal 6,9). Todos nós provamos simpatias e antipatias, e talvez hoje estejamos chateados com alguém. Pelo menos digamos ao Senhor: ‘Senhor estou chateado com este, com aquele, com aquela. Peço-vos por ele e por ela’. Rezar pela pessoa com que estamos irritado, é um belo passo rumo ao amor, e é um ato de evangelização. Façamo-lo hoje mesmo. Não deixemos que nos roubem o ideal do amor fraterno”(Papa Francisco. EA nº101).

Na maioria das vezes ficamos remoendo raivas, ódios, por coisas mesquinhas, sem sentido, como por exemplo o futebol, o meu time, os meus desejos, a minha vontade de dominar, enfim as mesmices e rotinas acabam rompendo o bom relacionamento. Por isso é bom lembrar que não é importante ter amigos e sim cultivar as relações verdadeiras. Diante das frustrações, não resolve buscar culpados e sim a solução. Como tudo seria diferente, se compreendêssemos a lei do amor, do amor de Deus, e não do amor interesseiro, egoísta, só para sentir-se bem.

Amor não é sentimentalismo. Amar é “fazer aos outros o que gostaríamos que fizessem a nós”. Antes de tudo é dar para receber, é ser feliz buscando a felicidade do outro. Precisamos voltar com mais frequência à primeira carta aos coríntios, no capítulo treze, onde o Apóstolo Paulo narra um belíssimo hino da caridade.

Vivemos tempos onde esquecemos o valor das pequenas coisas. Precisamos sim também buscar as grandes, mas fazendo bem as pequenas. Nada supera um sorriso, um aperto de mão olhando no olho, um abraço dizendo “eu te quero bem”, uma ligação no dia do aniversário, uma mensagem no Facebook, enfim nada supera os pequenos gestos carregados de simpatia, bom humor, otimismo, do ser e viver cada vez melhor.

Lembremos sempre: “Os desafios existem para serem superados. Sejamos realistas, mas sem perder a alegria, a audácia e a dedicação, sem perder a esperança” (Papa Francico EA nº 109). Não deixemos que ninguém nos roube a capacidade de amar no meio das simpatias e antipatias da vida. Convido você a nos acompanhar diariamente nas redes sociais. Curta a nossa página http://www.facebook.com/DomAnuarBattisti.

Desejo a você uma abençoada semana.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s